Hoje

12.00º < 16.00º
Sexta

12.00º < 15.00º
Sábado

13.00º < 16.00º
Domingo

15.00º < 17.00º
Segunda

15.00º < 18.00º
EN
ES
DE
PT
PT
Hoje

12.00º < 16.00º
Sexta

12.00º < 15.00º
Sábado

13.00º < 16.00º
Domingo

15.00º < 17.00º
Segunda

15.00º < 18.00º
EN
ES DE

Pergunta Frequente (PF)

PF – É necessário fazer a marcação das viagens com antecedência?
A Aqua Açores aconselha a marcar com alguma antecedência para garantir o seu lugar.

PF – Vou mesmo ver baleias?
A Aqua Açores não pode garantir o avistamento em todas as saídas. No entanto, o skipper só embarca os passageiros depois de ter comunicado com o vigia e saber a localização dos cetáceos. A taxa de sucesso de visionamentos da Aqua Açores é de 98 por cento.

PF – O que acontece se as condições climatéricas e do mar não forem boas?
Para a Aqua Açores, a segurança está em primeiro lugar! Se por algum motivo não estiverem reunidas as condições ideais para a realização da viagem, a mesma é adiada.

PF – Que roupa devo levar para a minha viagem de observação de cetáceos?
A Aqua Açores aconselha trazer roupa quente e confortável, chapéu, fato de banho e toalha, protetor solar e óculos escuros com proteção UV. Ainda, binóculos para observação dos animais, a máquina fotográfica ou de filmar.

PF – E se eu tiver tendência para enjoar?
A Aqua Açores recomenda, se necessário, tomar um comprimido para o enjoo meia hora antes da sua viagem de observação de cetáceos.

PF – Há casa de banho a bordo?
A empresa Aqua Açores dispõe de duas embarcações com instalações sanitárias – o Oceanus e o Moby Dick.

PF – Sou portador de uma deficiência motora. Qual o melhor barco para mim?
A Aqua Açores aconselha ao contacto direto com a empresa para avaliar uma viagem segura e confortável.

PF – Porquê escolher as Lajes do Pico?
Porque no mar dos Açores pode avistar oficialmente 27 espécies de baleias e golfinhos, de entre as cerca de 80 conhecidas no mundo. Além disso, esta região, em particular as Lajes, foi considerada pela jornalista Victoria Homewood do jornal Telegraph “como um dos 10 melhores destinos de Whale Watching do mundo”, em março de 2010.

PF – Qual o cetáceo que se observa mais nos Açores e qual é a melhor altura do ano?
Segundo as estatísticas da Aqua Açores, o Cachalote é o animal mais observado, nos mares dos Açores, maioritariamente entre os meses de julho, agosto e setembro.

PF – Se estiver grávida, posso fazer uma viagem de observação de cetáceos?
A sua segurança e conforto é a nossa prioridade. Independentemente do tempo de gravidez, a empresa Aqua Açores solicita o contacto direto para melhor avaliação.

Sobre os serviços

Observação e natação

1 – Ponto de encontro: Baleia Aqua Açores (à entrada da Marina das Lajes do Pico);
2 – Saídas diárias a partir das Lajes do Pico às 9h00 e às 14h00 (cada viagem tem a duração média de três horas);
3 – Mínimo de quatro pessoas por saída;
4 – Saídas condicionadas pelo estado do tempo;
5 – Saídas condicionadas pela confirmação de cetáceos na área de navegação da Aqua Açores;
6 – A empresa Aqua Açores disponibiliza corta-ventos e água;
7 – Para natação: a Aqua Açores aluga fatos “shorty”, mascará, tubo e barbatanas;
8 – Política de cancelamentos:
Reservas mediante pagamento de 30 por cento do valor total;
Cancelamento até um mês antes da data da saída – garantia da devolução da totalidade paga;
Cancelamento até uma semana antes da data da saída – garantia da devolução de 10 por cento da quantia paga;
Cancelamento até 48 horas antes da saída – sem devolução.
9 – Devolução da totalidade do valor já pago caso não avistem nenhuma espécie.
10 – Viagens sujeitas às Regras de Conduta.

Notas:
– É necessário saber nadar e ter experiência de snorkel. Apenas são permitidas duas pessoas de cada vez dentro de água, na presença de golfinhos. Cabe ao skipper decidir se estão reunidas as condições de segurança para o mergulho.
– A Aqua Açores não se responsabiliza por danos, por perdas de bens pessoais ou por equipamentos. A empresa recomenda os passageiros a acondicionar os pertences durante a viagem.

Aluguer de embarcações

1 – Ponto de encontro: Baleia Aqua Açores (à entrada da Marina das Lajes do Pico);
2 – Saídas diárias a partir das Lajes do Pico às 9h00 e às 14h00 (cada viagem tem a duração média de três horas);
3 – Mínimo de quatro pessoas por saída;
4 – Saídas condicionadas pelo estado do tempo;
5 – Saídas condicionadas pela confirmação de cetáceos na área de navegação da Aqua Açores;
6 – A empresa Aqua Açores disponibiliza corta-ventos e água;
7 – Para natação: a Aqua Açores aluga fatos “shorty”, máscara, tubo e barbatanas;
8 – Política de cancelamentos:
Reservas mediante pagamento de 30 por cento do valor total;
Cancelamento até um mês antes da data da saída – garantia da devolução da totalidade paga;
Cancelamento até uma semana antes da data da saída – garantia da devolução de 10 por cento da quantia paga;
Cancelamento até 48 horas antes da saída – sem devolução.
9 – Devolução da totalidade do valor já pago caso não avistem nenhuma espécie;
10 – Viagens sujeitas às Regras de Conduta;
11 – Saída consoante disponibilidade.

Notas:
– É necessário saber nadar e ter experiência de snorkel. Apenas são permitidas duas pessoas de cada vez dentro de água, na presença de golfinhos. Cabe ao skipper decidir se estão reunidas as condições de segurança para o mergulho.
– A Aqua Açores não se responsabiliza por danos, por perdas de bens pessoais ou por equipamentos. A empresa recomenda os passageiros a acondicionar os pertences durante a viagem.

Dicas fotográficas

Dicas à superfície

Para fotografar à superfície é imprescindível ter uma teleobjetiva de 300 mm fixa, ou uma lente com zoom, que alcance 300 mm. As lentes de maior distância focal, que 300 mm, são mais difíceis de usar devido ao balanço natural do mar.
As lentes angulares são ideais para grupos de golfinhos que acompanham à proa, ou que se aproximam da embarcação. É aconselhável uma lente zoom standard de 12 a 70 mm.
O grande desenvolvimento que as câmaras digitais alcançaram nos últimos anos levou ao (quase) abandono do filme. A maioria dos fotógrafos, profissionais e dos investigadores, trabalham com câmaras digitais, de grande qualidade. O acesso imediato às fotografias, a facilidade no armazenamento e processamento das imagens torna este suporte imbatível.
Para conseguir a imagem de um salto de uma baleia, num barco em movimento, deve selecionar uma velocidade de obturação de 1/1000s, embora em dias de céu nublado possa ter de baixar a velocidade para 1/250 ou 1/500s.
Deve estar sempre atento e ter a câmara pronta. Os comportamentos dos animais à superfície não duram muito tempo. Tente antecipar: no caso dos golfinhos, tire a fotografia, imediatamente a seguir ao animal colocar o bico de fora da água; no caso das baleias, tire a fotografia, logo que vir a barbatana dorsal ou quando esta está na posição mais elevada à superfície da água. Para as baleias de bossas, cachalotes, ou outras que mostram a barbatana caudal, o fotógrafo precisa estar posicionado atrás, esperando que a barbatana caudal saia da água e fique num ângulo reto com a câmara. Tenha cuidado para não perseguir e perturbar as baleias.
Aproxime-se o suficiente a sua lente para preencher a moldura da sua imagem. Os cetáceos muitas vezes apresentam comportamentos repetidos como, por exemplo, as baleias que fazem várias vezes seguidas saltos para fora de água (normalmente três). Os fotógrafos observadores podem tirar partido disso. Se não capturar à primeira vez, prepare-se para a segunda ou terceira.

Dicas para fotografia subaquática

Para fazer fotografia subaquática de baleias, nos Açores, é necessário requerer previamente uma licença específica junto da Direção Regional dos Assuntos do Mar. Para este propósito, a empresa Aqua Açores pode auxiliá-lo.
Para a fotografia subaquática, deve escolher uma câmara compacta, à prova de água, ou uma câmara SLR, com caixa estanque.
Em fotografia subaquática deverá usar uma lente grande angular. Dependendo da visibilidade da água e do comportamento dos cetáceos, é aconselhável utilizar objetivas de 12 mm e uma lente “olho de peixe”.
Nunca são usados flashes junto de baleias, porque são animais de grande porte, difíceis de iluminar no seu todo e porque poderia causar perturbação ao animal. Esta é uma das razões que proíbe o seu uso em muitos países. Alguns golfinhos não se perturbam com o flash, no entanto, a maioria não gosta, por isso a Aqua Açores não aconselha o seu uso.
A obtenção de imagens de qualidade de cetáceos depende maioritariamente do comportamento do animal ser ou não tolerante à nossa presença.
Um comportamento calmo e confiante, da nossa parte, é a chave do sucesso de um trabalho de fotografia com baleias e golfinhos.
Com as Baleia deverá entrar na água com calma e nadar de frente para o animal. Não movimente as barbatanas com grande ruído e evite gestos imprevistos com as mãos. Os animais são normalmente curiosos, por isso se permanecermos quase imóveis provocamos a aproximação dos cetáceos.
No caso dos Golfinhos, como estes apesar de curiosos, perdem o interesse facilmente e gostam que o objeto da sua atenção seja ativo, tente nadar de forma rápida e ágil, não necessariamente em direção ao animal.
A Aqua Açores aconselha que tenha a máquina pronta a disparar, porque os animais desinteressam-se muito rapidamente e perde-se a oportunidade).
Por favor, partilhe as suas imagens com a Sociedade para a Conservação de Baleia e Golfinhos (Whale and Dolphin Conservation Society – WDCS). Os investigadores estão interessados em identificar a distribuição individual dos animais. O seu contributo ser-lhes-á muito útil. Juntamente com a cópia da sua fotografia, envie também a localização (GPS, se possível), data e hora da observação, bem como o seu nome e contacto.
Newsletter
Ilha do Pico
Arquipélago dos Açores
Pico
Gastronomia regional
O que visitar
Sobre
Aqua Açores
Conheça a equipa
Vigias
Junte-se a nós

Perguntas frequentes
Sobre os serviços
Dicas fotográficas